Dance

PARADA DE SUCESSOS NAS ÚLTIMAS DÉCADAS

Parada de Sucessos nas últimas décadasO ano de 2009 chegou ao fim e, com ele, mais uma década também se foi. Muitas músicas fizeram sucesso durante esse período.

Como nossa especialidade são as músicas antigas, confira abaixo o Top 10 da Billboard na última semana das últimas décadas:

— 1969 —
1º Diana Ross And The Supremes – Someday We’ll Be Together
2º Peter, Paul And Mary – Leaving On a Jet Plane
3º B.J. Thomas – Raindrops Keep Fallin’ On My Head
4º Creedence Clearwater Revival – Down On The Corner/Fortunate Son
5º Steam – Na Na Hey Hey Kiss Him Goodbye
6º Neil Diamond – Holly Holy
7º The Beatles – Come Together/Something
8º The Jackson 5 – I Want You Back
9º Led Zeppelin – Whole Lotta Love/Living Loving Maid
10º R.B. Greaves – Take A Letter Maria

— 1979 —

1º Rupert Holmes – Escape
2º K.C. And The Sunshine Band – Please Don’t Go
3º Styx – Babe
4º Stevie Wonder – Send One Your Love
5º The Commodores – Still
6º The Captain And Tennille – Do That To Me One More Time
7º J.D. Souther – You’re Only Lonely
8º Barbra Streisand & Donna Summer – No More Tears
9º Kool And The Gang – Ladies Night
10º Supertramp – Take The Long Way Home

— 1989 —

1º Phil Collins – Another Day In Paradise
2º Linda Ronstadt & Aaron Neville – Don’t Know Much
3º Billy Joel – We Didn’t Start The Fire
4º Janet Jackson – Rhythm Nation
5º Taylor Dayne – With Every Beat Of My Heart
6º Soul II Soul – Back To Life
7º Technotronic – Pump Up The Jam
8º Cher – Just Like Jesse James
9º New Kids On The Block – This One’s For The Children
10º Bon Jovi – Living In Sin

— 1999 —

1º Smooth – Santana
2º Brian Mcknight – Back At One
3º Jessica Simpson – I Wanna Love You Forever
4º Savage Garden – I Knew I Loved You
5º Whitney Houston – My Love Is Your Love
6º Marc Anthony – I Need To Know
7º Elliott – Hot Boyz Missy
8º Donell Jones – U Know What’s Up
9º Blaque – Bring It All To Me
10º Kevon Edmonds – 24/7

NOS TEMPOS DAS DISCOTECAS: KC & THE SUNSHINE BAND

KC & The Sunshine BandQuando o tema é a era das discotecas, logo se pensa nos Bee Gees, Village People, Donna Summer e etc. Mas um dos principais nomes da época foi o KC & The Sunshine Band.

O grupo foi criando em 1973 pela dupla Harry Wayne Casey, o “KC”, e Richard Finch. Os dois se conheceram na gravadora em que trabalhavam, a TK Records, em Miami. KC era assessor do cantor Timmy Thomas, aquele do hit “Why Can’t We Live Together”. Richard Finch era engenheiro de estúdio.

Os primeiros singles do grupo foram “Blow Your Whistle” (1973) e “Sound Your Funky Horn” (1974). Mas o que deu projeção à dupla Casey e Finch foi a composição e produção do sucesso “Rock Your Baby”, gravado por George McCrae. Essa música vendeu mais de 11 milhões de cópias e ficou em 1º lugar nas paradas pelo mundo afora.

Foi em 1975 que o KC & The Sunshine Band se consagrou. As faixas “Get Down Tonight”, “That’s the Way (I Like It)” e “Boogie Shoes”, que foi incluída na trilha sonora do filme “Os Embalos de Sábado à Noite”, chegaram aos primeiros lugares.

No ano seguinte os hits “(Shake, Shake, Shake) Shake Your Booty”, “Keep It Comin’ Love” e “I’m Your Boogie Man” também invadiram as pistas.

Em 1979, “Do You Wanna Go Party” foi o destaque dançante, enquanto a lentinha “Please Don’t Go” foi a primeira música a chegar ao 1º lugar na Billboard nos anos 80.

Com o final da era Disco, o grupo explorou outros estilos. Após a falência da TK Records, o KC & The Sunshine Band assinou com a Epic Records. O último hit a entrar nas paradas foi “Give It Up”, de 1983.

Por aqui também se destacaram as músicas “Do You Feel All Right?” (1978) e “You Said You’d Gimme Some More” (1983).

Nos anos 90, a moda retrô baseada na década de 70 fez a banda retornar para apresentações ao vivo.

ANOTHER ONE BITES THE DUST: GOOD TIMES DO QUEEN

Queen - Another One Bites The DustO Queen foi uma das mais bem-sucedidas bandas de rock dos anos 70 e 80, formada por Brian May, Roger Taylor, John Deacon e Freddie Mercury.

Porém, seu maior sucesso comercial foi “Another One Bites The Dust”, de 1980, inspirado na batida de “Good Times”, um dos maiores clássicos da dance music, lançado pelo Chic no ano anterior.

“Another One Bites The Dust” foi escrita pelo baixista John Deacon. Certa vez, Bernard Edwards, um dos fundadores do Chic, disse a uma revista americana que Deacon costumava passar o tempo em seus estúdios, o que deve ter servido de “inspiração”.

O baterista Roger Taylor não gostou da música, mas Freddie Mercury acreditava que faria sucesso. A banda não pretendia lançar um single, o que aconteceu por sugestão de Michael Jackson. Resultado: vendeu mais de 3 milhões de cópias e chegou ao 1º lugar na parada Hot 100 e ao 2º lugar nas paradas R&B e Club Play da Billboard. Na inglaterra, figurou na 7ª posição. Foi a única vez em que o Queen foi indicado ao Grammy, mas acabou vencido por “Against the Wind”, de Bob Seger.

“Another One Bites The Dust” foi lançada no álbum The Game. Este disco iniciou um período em que o Queen se distanciou do rock clássico, aproximando-se do pop tradicional. Ao mesmo tempo em que conquistou um público que até então não se identificava com a banda, afastou muitos fãs.

SOM DOS ANOS 80: GREG KIHN BAND

Greg Kihn Band - JeopardyA banda Greg Kihn gravou o primeiro disco em 1976, mas foi no início dos anos 80 que chegou às paradas de sucesso.

O primeiro hit foi “The Breakup Song”, de 1981 (desconhecida por aqui). Alcançou o 15º lugar na parada Hot 100 da Billboard.

Porém, o maior sucesso foi “Jeopardy”, do álbum Kihnspiracy, lançado em 1983. Chegou ao 1º lugar na parada Club Play e ao 2º lugar na Pop Singles da Billboard. Foi um dos maiores hits nas rádios e boates daqui e pelo mundo afora.

Em 1985, a música “Lucky” (alguém conhece?) chegou ao Top 40.

O líder Greg Kihn, além dar seu nome à banda, fez trocadilho com seu sobrenome em praticamente todos os álbuns: Next of Kihn, Rockihnroll, Kihntinued, Kihnspiracy, Citizen Kihn, Kihn of Hearts, Greg Kihn Again e Kihn Of Hearts. Com o tempo, os trocadilhos foram desaparecendo e, com eles, o sucesso.

Atualmente, Greg Kihn é DJ na rádio 98,5 K-Fox, na Califórnia, especializada em classic rock. Todos os anos, a rádio organiza um festival com o sugestivo nome de “Kihncert”. A banda ainda existe, mas faz poucas apresentações.

SÉRIE: ELES ENTRARAM NAS PISTAS

T.S. MonkThelonious Monk Jr. é um nome tão estranho quanto desconhecido por aqui, mas é um artista precoce, que ao 13 anos já tocava trompete, piano e bateria. A exemplo de seu pai, com quem desde cedo tocou em shows e programas de TV, Thelonious Monk Jr. é um cantor e instrumentista de jazz, mas como tantos outros nomes, também entrou nas pistas.

Em 1981, focou-se num estilo mais popular e, a essas alturas, já havia formado um grupo de R&B chamado T.S. Monk, que tinha Thelonious nos vocais ao lado de Boo Boo Monk e Yvonne Fletcher. No mesmo ano lançou 2 discos. O primeiro foi House Of Music, que trazia o hit dançante “Bon Bon Vie”, que fez bastante sucesso. Aproveitando o embalo, também gravou o álbum More Of The Good Life, fazendo referência ao disco anterior.

Mais tarde, Monk Jr. voltou às origens, ou seja, ao jazz. Porém, o estilo que o deixou mais conhecido foi o dançante.